Dia de Combate à Infecção Hospitalar

A data que foi instituída pelo Ministério da saúde, em 23 de junho de 2008. Visa conscientizar as autoridades sanitárias, diretores de hospitais e trabalhadores de saúde. Sobre a importância da prevenção e controle de infecções hospitalares.
A infecção hospitalar é a infecção adquirida após a admissão do paciente na unidade hospitalar, e pode se manifestar durante a internação ou após a alta. Pela sua gravidade e aumento de tempo da internação do paciente, é causa de morbidade e mortalidade, caracterizando-se como problema de saúde pública.
De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), A higienização das mãos é considerada a medida mais importante e reconhecida no controle das infecções nos serviços de saúde. Cerca de 234 milhões de pacientes são operados por ano em todo o mundo. Destes, um milhão morre em decorrência de infecções hospitalares e sete milhões apresentam complicações no pós operatório.
Além da higienização das mãos, é necessário a adoção de prevenção, tais como:

  • Não visitar o paciente caso esteja enfermo
  • Não andar com alimentos no hospital
  • Manter as unhas curtas e limpas, sem esmalte
  • Não sentar no leito do paciente

Para mais informações acesse o site do Ministério da Saúde

Acompanhe mais conteúdo sobre Medicina, Direito & Saúde em nossos canais digitais Facebook & InstagramBlog e App.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


WhatsApp ENTRE EM CONTATO CONOSCO!

Send this to a friend