fbpx
Opinião do oftalmologista sobre a visão dos idosos em época de COVID

A oftalmologia em meio a pandemia do COVID-19

No dia do Oftalmologista (07/05), a pandemia do novo coronavírus fez com que a rotina desses profissionais e pacientes passassem por algumas alterações, trazendo muitos desafios não só para os oftalmologistas já atuantes na área, mas também para os residentes em formação.

Por conta dessas mudanças, a Fundação Leiria de Andrade tem realizado aulas e encontros virtuais com a finalidade de diminuir o impacto no ensino causado aos estudantes durante essa quarentena. Esses encontros tem envolvido preceptores da própria instituição e oftalmologistas de outros serviços espalhados pelo Brasil. Com essas medidas os impactos negativos da pandemia no aprendizado são amenizados e fomentam conteúdos de qualidade, com a segurança que estes ambientes virtuais proporcionam para o atual momento.

A oftalmologia em meio a pandemia do COVID-19

Alunos residentes de oftalmologia da Fundação Leiria de Andrade

 

Quanto aos pacientes, segundo o Dr. Newton Junior., vice-presidente da Sociedade N/NE de Oftalmologia, a recomendação é que anualmente ou no máximo a cada dois anos seja feito o exame oftalmológico de rotina, essencial principalmente na prevenção de doenças. Entretanto, devido à pandemia da COVID-19, a prioridade tem sido os casos de urgências. Para as consultas eletivas de rotina os pacientes devem usar do bom senso e esperar até o fim da quarentena.

Além disso, o médico oftalmologista alerta que a quarentena pode ocasionar o aumento do uso de dispositivos eletrônicos. Este uso excessivo deve ser ponderado especialmente em pacientes que apresentem sintomas relacionados como dor periocular e aumento do lacrimejamento, por exemplo. Pais e responsáveis precisam estar atentos, ainda, à essa exposição de crianças aos tablets e smartphones. Estudos comprovam que o uso indevido dos infantes podem acarretar em afecções oftalmológicas como a miopia. “O uso dessas novas tecnologias pode gerar, além de efeitos psicossomáticos, alterações nos olhos”, argumenta. A recomendação para os adultos que abusam desta conectividade é tentar estabelecer intervalos de descanso entre os horários da utilização dos meios digitais. Já as orientações para as crianças, o ideal seria procurar um especialista para individualizar o tempo de uso de acordo com a idade e os protocolos existentes .

newton e filhos dia do oftalmologista

Dr. Newton Jr. em atendimento oftalmológico com os filhos Rafael e Murilo.

 

Dr. Newton Junior finaliza a entrevista enaltecendo o dia 07 de maio com uma mensagem a seus pares:
“Leonardo da Vinci dizia de forma muito feliz, que os olhos são a janela da alma e espelho do mundo. Mas quero alertar neste momento de pandemia que assim como o vírus, o essencial é invisível aos olhos. Que possamos refletir sobre nossas atitudes, nossos valores e os rumos que estamos conduzindo a humanidade. Neste momento tão difícil pelo qual o planeta está passando, gostaria de deixar meus sinceros agradecimentos e parabenizar todos os colegas médicos oftalmologistas que desempenham a nobre missão de dar luz à vida de tantas pessoas. Meus votos de que muito em breve possamos estar reunidos e comemorar de uma forma mais calorosa esse dia tão especial para nossa especialidade: O dia do Oftalmologista”.

 

Confira mais conteúdo sobre o tema no Webinário do Jornal do Médico®️

Assine a Newsletter do Jornal do Médico®️ e receba conteúdos de qualidade e credibilidade.

Share this post


WhatsApp chat
Send this to a friend