fbpx

Transtornos alimentares são comuns em jovens com diabetes

 
Compulsões alimentares e vômitos são exemplos de transtornos na alimentação de mais de 50% dos jovens com diabetes tipo 1 e 20% dos que têm o tipo 2 da doença. Esses dados são da American Diabetes Association (ADA), em estudo realizado neste ano nos Estados Unidos.
Assim, voltar-se para questões comportamentais em relação à alimentação dos jovens é uma medida necessária para o poder público e para o indivíduo em si, uma vez que a pesquisa ainda revelou que esses jovens com diabetes e transtornos alimentares também são mais propensos a ter sintomas depressivos e qualidade de vida em geral mais baixa. Dessa forma, durante o tratamento é preciso focar na alimentação e redução de peso.
O Diabetes tipo 1 pode causar sede, vontade frequente de urinar, neurose noturna, entre outras manifestações que geralmente se manifestam quando há comprometimento de 90% da função do pâncreas. O tratamento é feito repondo insulina no organismo aliado à prática de exercícios físicos e dieta saudável. Já o Diabetes tipo 2 é o mais comum, geralmente acomete adultos acima de 40 anos e pessoas obesas. Geralmente existem outras doenças associadas à ela, como a hipertensão. Aqui, uma dieta saudável e prática de exercícios físicos são recomendadas junto a medicamentos antidiabéticos complementares.
O dia 26 de junho comemora o Dia Nacional contra a Diabetes. A data é uma parceria do Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde (OMS) e conscientiza sobre a importância da prevenção da doença. O Jornal do Médico incentiva uma vida saudável.
Com informações da Sociedade Brasileira de Diabetes.
 

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Send this to a friend