fbpx

Método Canguru do HGCC é reconhecido como referência estadual

No ano em que a Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (UCINCa) completa 20 anos, o Ministério da Saúde concedeu ao Hospital Geral Dr. César Cals (HGCC) a certificação de Hospital de Referência Estadual, no dia 23 de junho, pela realização do método que mudou a vida de muitos bebês. O Método Canguru do HGCC dedica-se ao cuidado de bebês nascidos prematuros e de baixo peso.
Receberam homenagens durante a solenidade mães e filhos que passaram pelo Canguru e mães que no momento fazem parte do método, assim como técnicas de enfermagem do Hospital. A qualidade do serviço foi possível graças ao trabalho da Neonatologia do Hospital César Cals, ao empenho da Direção do HGCC e da Secretaria da Saúde do Ceará. A solenidade contou com a presença de técnicos do Ministério da Saúde, diretores do hospital e profissionais integrantes do Canguru, além dos diretores geral e da secretária-adjunta da Saúde do Estado.
Método Canguru
O Método Canguru é realizado em três etapas, que assistem ao recém-nascido prematuro internado na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal a partir de estratégias de intervenção biopsicossocial, permitindo que os pais tenham uma maior participação nos cuidados neonatais. A primeira etapa vai desde o acompanhamento de gestações de alto risco até após a internação do recém-nascido prematuro na Unidade Neonatal. A segunda inicia-se quando o bebê, que já vinha tendo contato gradativo com os pais na etapa anterior, permanece de maneira contínua com sua mãe na posição canguru, no maior tempo possível. A posição canguru consiste em manter o bebê na posição vertical junto ao peito dos pais ou de outros familiares. A última etapa acompanha o bebê e familiares quando esse vai para casa, até que atinja o peso de 2.500 g.
Com informações do HGCC.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Send this to a friend