fbpx

Dia Mundial do Doador de Sangue

14 de junho é celebrado o Dia Mundial do Doador de Sangue, data instituída por iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2014, objetivando conscientizar a importância dos doadores para salvar vidas, através da atitude de doação. Dados recentes, mostram que no Brasil, 1,8% da população doa sangue, número que está dentro dos parâmetros, de pelo menos 1%, mas ainda longe da meta da OMS, de 3% da população doadora.
No Ceará, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) iniciou hoje, 14, uma campanha especial com o objetivo de preparar estoques de sangue para os períodos de Copa do Mundo, festas juninas e férias. Com o tema “Quando o Sangue Não Chega, o Jogo Para”, a instituição faz uma alusão ao mundial realizado na Rússia, destacando a solidariedade como um jogo de futebol, ao qual o time de doadores precisa manter o “jogo”, ou seja, continuar doando para ganhar a partida.
Em Fortaleza, o Hemoce conta com três pontos fixos, o hemocentro coordenador, o Posto de Coleta no IJF e a unidade na Praça das Flores, que esse ano durante a campanha (14 de junho até 31 de julho) amplia seu funcionamento para segunda a sábado das 8h às 16h.
No interior do estado, os hemocentros regionais nas cidades de Quixadá, Iguatu, Crato, Juazeiro do Norte e Sobral fazem o atendimento. Além dos pontos fixos o Hemoce conta com o serviço de coleta externa em que todos os dias uma equipe do órgão vai ao encontro da população.
Doe Vida, Doe Sangue 
Para ser um doador de sangue é preciso: estar saudável, bem alimentado, ter mais de 50kg, ter de 16 a 69 anos de idade e apresentar um documento oficial e original com foto. Os menores de 18 anos precisam apresentar o termo de consentimento dos responsáveis, disponível para download no site do Hemoce (www.hemoce.ce.gov.br).
Fonte: HEMOCE
 
Acompanhe mais conteúdo sobre Medicina, Direito & Saúde em nossos canais digitais Facebook & InstagramBlog e App.

Share this post


WhatsApp chat
Send this to a friend