fbpx

ABRAMEDE capacitará profissionais para o atendimento Pré-Hospitalar

A residência em Medicina de Emergência tem agregado qualidade no serviço hospitalar e pré-hospitalar da especialidade, que beneficia os profissionais e os cidadãos brasileiros.
A Associação Brasileira de Medicina de Emergência (Abramede), cujo objetivo é defender a especialidade e suas residências, tem caminhado para caracterizar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) em atendimento de Emergência. Isto significa focar na assistência de casos graves, em que o médico intervém para que o paciente não venha a óbito.
 “A Abramede vem para normatizar e treinar o médico da Emergência que trabalhará no Samu. Hoje o Serviço é composto por médicos residentes que geralmente seguem em outras especialidades, ou pelos que passaram a se dedicar a esse perfil de atendimento e ficam por algum tempo. Esta sistemática deverá ser mudada nos próximos anos, visto que atualmente está frágil em termos de qualidade de atendimento, e que muitas vezes não houve treinamento específico para o perfil adequado àquele ambiente”, relata dr. Frederico Arnaud.
 
Para mais informações a respeito do assunto na edição impressa, acesse o conteúdo digital pelo nosso portal (https://goo.gl/Rx1sMg) ou aplicativo Jornal do Médico, disponível nas plataformas AppStore  e GooglePlay.
Acompanhe mais conteúdo sobre Medicina, Direito & Saúde em nossos canais digitais Facebook & InstagramBlog e App.

Share this post


WhatsApp chat
Send this to a friend