fbpx

Com a chegada do carnaval, aumenta a preocupação e cuidados com Infecções Sexualmente Transmissíveis

As Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) são infecções virais, bacterianas ou por outros microorganismos que são transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de preservativo masculino ou feminino, com uma pessoa que esteja infectada. A terminologia Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) passou a ser adotada para substituir Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), a fim de destacar a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas. Veja alguns exemplos das ISTs mais comuns:   Cancro Mole (Cancróide) É uma infecção causado pela bactéria Haemophilus ducreyi, apresenta como sintomas feridas de tamanho pequeno, doloridas e com presença de pus nos órgãos genitais e nódulos na virilha.   HPV (Papilomavírus Humano) Uma das infecções mais conhecidas, o HPV é um vírus que infecta a pele e as mucosas, provocando verrugas anogenitais e podendo desenvolver câncer genital. O tratamento se dá pela destruição das lesões, por meios químicos ou cirúrgicos. Entre os sintomas do HPV, estão:

  • Verrugas comuns;
  • Calos olho-de-peixe;
  • Verrugas planas;
  • Verrugas genitais;
  • Lesões no ânus;
  • Câncer genital;
  • Epidermodisplasia verruciforme;
  • Papilomas bucais;
  • Câncer da orofaringe;
  • Cisto verrucoso;
  • Papilomatose respiratória.

  Doença Inflamatória Pélvica (DIP)   A DIP é uma doença clínica, causada pela falta de tratamento de infecções como infecção por clamídia ou gonorréia. Atinge os órgãos sexuais internos, como útero, trompas e ovários, causando inflamações. Em casos graves, é necessária internação para aplicação de antibiótico por via intravenosa. É preciso ficar atento aos sintomas:

  • Dor na parte baixa do abdômen e durante a relação sexual.
  • Dor abdominal e nas costas.
  • Febre, fadiga e vômitos.

  Donovanose A Donovanose é uma IST crônica e progressiva, causada pela bactéria Klebsiella granulomatis. Causa úlceras e destrói a pele infectada, atingindo pele e mucosas das regiões dos genitais, da virilha e do ânus. Como é uma infecção bacteriana, seu tratamento se dá por antibióticos. Os sintomas para donovanose são:

  • Lesão que se transforma em ferida ou caroço vermelho.
  • Não dói e não tem íngua.
  • A ferida vermelha sangra fácil, pode atingir grandes áreas e comprometer a pele ao redor.

  Gonorreia e infecção por clamídia São ISTs bacterianas, causas por Neisseria gonorrhoeae e Chlamydia trachomatis, respectivamente. Está associada à infecções nos órgãos genitais, garganta e olhos. Quando não tratadas, a infecção pode causar infertilidade, dor durante o ato sexual, gravidez ectópica (fora do útero), entre outros males à saúde. Também existe a possibilidade da conjuntivite neonatal, quando durante o parto a doença é transmitida da mãe para o filho, causando a conjuntivite que se não tratada ou prevenida pode levar à cegueira do recém-nascido. São sintomas da gonorreia e infeção por clamídia:

  • Dor ao urinar
  • Dor no baixo ventre
  • Corrimento amarelado ou claro, fora da época da menstruação
  • Dor ou sangramento durante a relação sexual.
  • A maioria das mulheres infectadas não apresentam sinais e sintomas.
  • Dor nos testículos.

  Sífilis A Sífilis é uma IST causada pela bactéria Treponema pallidum curável e exclusiva do ser humano. Seu tratamento é feito com penicilina benzatina  A infecção possui 4 estágios: sífilis primária, secundária, latente e terciária, com sintomas diferentes em cada fase. São eles: Sífilis primária

  • Ferida, geralmente única, no local de entrada da bactéria (pênis, vulva, vagina, colo uterino, ânus, boca, ou outros locais da pele), que aparece entre 10 a 90 dias após o contágio. Essa lesão é rica em bactérias.
  • Normalmente não dói, não coça, não arde e não tem pus, podendo estar acompanhada de ínguas (caroços) na virilha.

Sífilis secundária

  • Manchas vermelhas na pele, boca, nariz, palmas das mãos e plantas dos pés;
  • Descamação da pele;
  • Ínguas (caroços), especialmente na região genital;
  • Dor de cabeça;
  • Dor muscular;
  • Dor de garganta;
  • Mal estar;
  • Febre leve (abaixo de 38ºC);
  • Falta de apetite;
  • Perda de peso.

Sífilis terciária:

  • Lesões na pele, boca e nariz;
  • Problemas em órgãos internos (coração, nervos, ossos, músculos, fígado e vasos sanguíneos);
  • Dor de cabeça constante;
  • Náuseas e vômitos frequentes;
  • Rigidez do pescoço;
  • Convulsões;
  • Perda auditiva;
  • Vertigem;
  • Insônia;
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC);
  • Reflexos exagerados;
  • Pupilas dilatadas;
  • Delírios e alucinações;
  • Diminuição da memória recente;
  • Diminuição das funções cognitivas.

  A Sífilis latente não apresenta sintomas.   HIV / AIDS O HIV é retrovírus causador da Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS), a DST mais conhecida e comentada. Nem a infecção pelo vírus HIV e nem a doença AIDS tem cura. Por isso, a prevenção tem o papel mais importante de todos neste caso. Fique atento aos sintomas:

  • Febre;
  • Mal-estar;
  • Manchas vermelhas pelo corpo;
  • Aumento dos linfonodos e surgimento de ínguas;
  • Dores ( Muscular, de cabeça, articulações e garganta)
  • Surgimento de erupções cutâneas;
  • Calafrios;
  • Úlceras orais ou genitais;
  • Dor nas articulações;
  • Sudorese noturna;
  • Diarreia;

  Fonte: aids.gov.br; Minuto saudável

Acompanhe mais conteúdo sobre Medicina, Direito & Saúde em nossos canais digitais Facebook & InstagramBlog e App.

Share this post


Send this to a friend