fbpx

Dia nacional de consciência sobre Esclerose Múltipla

No dia 30 de agosto, comemora-se o Dia Nacional da Esclerose Múltipla, doença autoimune, inflamatória do sistema nervoso central, que atinge 2,5 milhões de pessoas no mundo. Cientistas acreditam que a patologia é resultado de uma combinação de fatores imunológicos, ambientais, infecciosos e genéticos, embora a causa real seja desconhecida. “É uma doença pouco reconhecida. Estima-se que existam entre 30 e 35 mil brasileiros com Esclerose Múltipla (EM), mas apenas 15 mil estão em tratamento”, explica a coordenadora do Ambulatório de Neuroimunologia do Hospital Santa Marcelina, Dra. Ana Piccolo.Incidência da EM no Brasil 

Atualmente, estima-se que existam 15 indivíduos com EM a cada 100 mil pessoas no Brasil1, resultando, em média, em 35 mil brasileiros com a doença, segundo a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM). De causa desconhecida, a patologia é considerada crônica e recorrente, com surtos e sintomas que variam de pessoa para pessoa, mas influenciam diretamente na qualidade de vida dos indivíduos.

Mais mulheres do que homens

A EM atinge duas vezes mais mulheres do que homens e, em média, é diagnosticada aos 30 anos, embora possa acometer desde crianças até pessoas mais idosas. Pelo fato de ser uma doença com diagnóstico tardio, muitas vezes, isso acaba por dificultar o tratamento da doença. “Estudos com animais apontam que as fêmeas têm uma predisposição genética imunológica para a doença, e os fatores hormonais também influenciam, mas a doença se manifesta de forma mais agressiva em homens”, aponta a neurologista.

Como tratar e melhorar os sintomas

Hoje os pacientes contam com opções eficazes de tratamento para controlar a doença e os surtos. Vale destacar a terapia que foi incorporada recentemente ao rol de medicamento do Sistema Único de Saúde (SUS), a teriflunomida, devendo chegar aos usuários do SUS em breve. A teriflunomida, que é um medicamento oral, é indicado para o tratamento de pacientes com as formas recorrentes de esclerose múltipla, para reduzir a frequência dos surtos e para retardar o acúmulo de incapacidade física.

Conscientizar para tratar

Prédios, camisetas e até mesmo selfs com elementos laranjas estarão em destaque este mês em celebração ao Dia Nacional de Esclerose Múltipla, comemorado em 30 de agosto, para trazer visibilidade para o tema e auxiliar na conscientização da população sobre o assunto. Além dessas iniciativas, é possível encontrar mais ações no portal Agosto Laranja, que já estão ocorrendo e que ainda serão realizadas em diversas regiões do Brasil.

Fonte: https://www.terra.com.br/noticias/dino/dia-nacional-de-esclerose-multipla-5-coisas-que-voce-precisa-saber-sobre-a-doenca,79ec6e223c5d547303b17c0bf685988fnbgx75if.html

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Send this to a friend