fbpx

Campanha Julho Verde alerta sobre o câncer de cabeça e pescoço

Em ocasião do Dia Mundial de Conscientização e Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço, que acontece em 27 de julho, a Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP) promove atividades de conscientização e informação no combate ao câncer na campanha #julhoverde, durante o mês inteiro.
A proposta é incentivar a hashtag #julhoverde e o uso da cor verde, de forma a influenciar o maior número possível de pessoas sobre as complicações que a doença pode causar e, principalmente, atuar na prevenção, uma vez que o diagnóstico tardio ocorre em 60% dos casos, deixando sequelas no paciente. O câncer tem cura, mas é fundamental que seja feito o diagnóstico precoce e que o tratamento tenha início rápido.
Pessoas que consomem álcool com frequência, fumantes e as que vivem com papilomavírus (HPV) são mais propensas a ter o câncer. Segundo a SBCCP, este último caso tem contribuído para o aumento na incidência da doença, que atinge cerca de 23 mil brasileiros a cada ano, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca). No Brasil, cerca de 14 milhões de pessoas correm risco de desenvolver a doença. O HPV pode ser transmitido pela prática do sexo oral em pessoas com múltiplos parceiros sexuais.
 
Câncer de Cabeça e Pescoço
Os tumores de cabeça e pescoço são uma denominação genérica do câncer que se localiza em regiões como boca, língua, palato mole e duro, gengivas, bochechas, amígdalas, faringe, laringe (onde é formada a voz), esôfago, tireoide e seios paranasais.
Alguns sintomas que os cânceres de cabeça e pescoço podem apresentar são afta que não cicatriza por mais de 15 dias, rouquidão, nódulo na língua (tipo verruga) que dói, nódulos no pescoço, manchas brancas na mucosa oral, dores constantes no ouvido e, em casos mais graves, dificuldade de falar, mastigar e engolir, sensação de espinho na garganta ou dor contínua, entre outros.
Segundo levantamento do Inca, o câncer de boca, laringe e demais sítios é hoje o segundo mais frequente entre os homens, atrás somente do câncer de próstata. Nas mulheres, prepondera o câncer da tireoide, sendo o quinto mais comum entre elas.
Com informações da SBCCP.
 

Share this post


WhatsApp chat
Send this to a friend