fbpx

Dr. Lino Holanda, homem compromissado com a Medicina

Nascia em 28 de julho, na cidade de São José de Piranhas, na microrregião de Cajazeiras — Paraíba, o Dr. Lino Antônio Cavalcanti Holanda. Mas foi em Fortaleza que ele teve sua vida profissional marcada, quando formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Ceará (UFC), no ano de 1970. Após dois anos, deixava a residência médica em Cirurgia no Hospital Geral de Fortaleza (HGF). Uma vez especialista em Cirurgia Geral e Cirurgia do Aparelho Digestivo (CRM:1236-CE), o médico manteve uma relação sólida com o HGF, tendo sido ex-coordenador do Internato de Medicina e responsável pelo setor de Alimentação Parenteral e Enteral do HGF. Ele também já presidiu diversas entidades da classe médica.
Foi, por exemplo, ex-presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado do Ceará por 10 anos. Também já presidiu a Sociedade Cearense de Cirurgia Geral, a Associação Médica Cearense e o Colégio Internacional de Cirurgiões do Capítulo do Ceará. Além disso, foi vice-presidente do Norte-Nordeste da Associação Médica Brasileira, ex-conselheiro do Conselho Federal de Medicina por 5 anos e, por fim, ex-diretor do Sindicato dos Médicos do estado do Ceará.
Atualmente, é Secretário Geral do Conselho de Medicina do estado do Ceará e ocupa cadeira número 9 da Academia Cearense de Medicina, sendo também membro titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e membro do Colégio Internacional de Cirurgiões. Ele possui o Título de Cidadão Cearense, Título de Cidadão Russano e Título de Cidadão Santa Helenense.
A docência foi outro ponto importante na carreira do Dr. Lino, que já foi professor de Nutrição e Enfermagem da Universidade Estadual do Ceará (UECE), onde hoje é docente de Cirurgia. De volta ao Hospital geral de Fortaleza, o cirurgião é Preceptor de Residência Médica de Cirurgia geral da instituição. O gosto pelos estudos é também visível pela atualização constante, tendo marcado presença em diversos eventos médicos nos últimos anos.
O Jornal do Médico parabeniza o cirurgião, que muito contribui para a relevância medicinal de nosso estado.

Share this post


WhatsApp chat
Send this to a friend